Drones para delivery: empresas se unem para desenvolver tecnologia no Brasil; confira

0
76

Com o objetivo de criar sistemas de gerenciamento de tráfego de drones para aplicativos de delivery no Brasil, a Thales, empresa de alta tecnologia, e a Speedbird Aero, plataforma de logística de drones, anunciaram uma parceria nesta quarta-feira (10/05) para desenvolver operações Beyond Visual Line-of-Sight (BVLOS), quando o piloto remoto não tem alcance visual do dispositivo.

Nos próximos três anos, as duas empresas estarão focadas em estudos de viabilidade econômica de tecnologias, infraestruturas e modelos de negócios para projetos-piloto no Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e possivelmente em outras localidades ao longo dos projetos. “Já temos projetos na América Latina, Estados Unidos, Europa e Oceania, e agora contamos com o apoio da Speedbird para fortalecer nossos planos para o Brasil”, diz Luciano Macaferri, diretor geral da Thales Brasil.

Entrega por drones é mercado de milhões de dólares
Confira aqui o Mídia Kit do Startupi!

“A parceria estratégica com a Thales trará a tecnologia e a expertise necessárias no espaço ATM/UTM para apoiar e expandir as operações comerciais diárias da Speedbird BVLOS no Brasil e em outros países. Será um grande avanço na construção de operações de entrega de drones comerciais seguras, escaláveis e sustentáveis”, diz Manoel Coelho, CEO da Speedbird.

O Brasil é esperado para ser o principal mercado de drones na América Latina, e pesquisas, como a realizada pela Drone Industry Insights, estimam que até 2026 esse setor possa gerar cerca de US$ 373 milhões anuais. Atualmente, duas em cada três aeronaves decolam e pousam utilizando a tecnologia da Thales – essa projeção reforça o potencial de parcerias como a que está sendo firmada com a Speedbird Aero.

 

Leave a reply